Crescimento econômico do Chile atrai cada vez mais brasileiros

2019-06-14
Crescimento econômico do Chile atrai cada vez mais brasileiros

 

O Chile tem sido um dos principais destinos de executivos que desejam construir uma carreira internacional. Isso porque, além da proximidade geográfica e cultural, o Chile apresenta alguns outros atrativos para os profissionais brasileiros. Para se ter uma ideia, sua economia cresceu 4% em 2018, com uma taxa de desemprego de 7% e inflação de 2,4% ao ano.

Além disso, os investimentos bilaterais Brasil/Chile merecem destaque. Nosso país concentra o maior estoque de investimentos externos chilenos no mundo, ultrapassando a marca do US$ 35 bilhões. São empresas chilenas de diversas áreas que atuam no Brasil, especialmente nos ramos de papel e celulose (como Arauco e CMPC), varejo (como Cencosud e Falabella) e energia (como Enersis).

Por outro lado, o Brasil registra um investimento de mais de US$ 4,5 bilhões no Chile. Entre as empresas brasileiras que estão por lá podemos citar Marfrig, DMS Logistics, OAS, Camil e Natura.

Os dois países já firmaram diversos acordos que possibilitaram, ao longo do tempo, a ampliação desse intercâmbio empresarial que tem facilitado a transferência de executivos do Brasil para o Chile, rumo a uma carreira internacional.

No que diz respeito às relações comerciais, o Acordo de Complementação Econômica Mercosul-Chile (ACE-35) possibilitou a liberalização quase completa do comércio entre os dois países, o que significou US$ 9,77 bilhões em exportações do Brasil para o Chile em 2018.

Entre os principais produtos exportados encontram-se óleos brutos de petróleo, carnes, automóveis e tratores. O Brasil, por sua vez, importa do Chile principalmente derivados de cobre, salmão e vinhos.

Qualidade de vida

Para além de toda a questão econômica e das relações empresariais e comerciais entre Brasil e Chile, o país chama a atenção pela qualidade de vida que oferece.

Apesar de pequeno (756.950 km²), o país apresenta uma diversidade de paisagens, que vão das geleiras da Patagônia ao deserto do Atacama, passando por cidades pitorescas à beira mar, como Viña del Mar.

Mas os brasileiros preferem essas regiões para fazer turismo. Para trabalhar, a capital do Chile, Santiago, ainda é o destino preferido. Além de centro comercial e empresarial, ela é considerada uma cidade inteligente. Isso porque, por meio da inovação na gestão pública, está conseguindo reduzir a poluição do ar e o trânsito.

Políticas públicas eficientes também garantiram ao Chile o 42º lugar no ranking mundial do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), à frente de países da União Europeia, como Portugal e Hungria. O Brasil ocupa o 75º lugar.

Brasileiros que se mudam para o Chile também aproveitam a gastronomia local e os vinhos premiados internacionalmente.

Para quem quer conhecer as raízes da culinária chilena, pode começar pelo Curanto, uma espécie de churrasco subterrâneo que mistura ingredientes da terra e do mar. Mas ainda há outras delícias típicas como o Congrio Rosa (peixe), o Lomo a lo Pobre (a versão chilena do nosso PF), as famosas empanadas e o fresco ceviche.

Com relação aos vinhos, o Errazuriz Chadwick Vale do Maipo foi o primeiro a receber 100 pontos no Chile. Vale a pena experimentar!

Trabalho no Chile

Algumas empresas que estão no Chile costumam contratar brasileiros como Banco Santander, LATAM Airlines, GlobalLogic, The Coca-Cola Company, IBM, Pfizer, CCU S.A. Também é possível verificar as relações da sua empresa com o país e tentar, até mesmo, abrir novas possibilidades por lá.

Além disso, verifique vagas em sites especializados como LaborumChile TrabajosTrabajandoBumeranZona Jobs e BNE. Você pode consultar aqui as melhoras empresas chilenas para se trabalhar.

Vale lembrar que todo brasileiro interessado em trabalhar no Chile precisa providenciar o visto de residência no Mercosul, além do visto chileno propriamente dito, conhecido pela sigla RUT. Verifique também se você precisará validar seu diploma. Dependendo da sua área, isso é fundamental.

E, para finalizar, é importante que você fale espanhol fluentemente. Falar apenas o inglês muitas vezes não é suficiente para uma contratação.

Se você planeja viajar ou trabalhar em outro país, conte com a Espanhol Fluente para auxiliá-lo. Temos muito experiência no que se refere à capacitação de profissionais no idioma e, inclusive, nos aspectos culturais, sempre de acordo com o país em questão.

 
 Compartir noticia