fbpx

Futuro do trabalho exige conjunto de habilidades técnicas, sociais e comportamentais

2019-11-04
Futuro do trabalho exige conjunto de habilidades técnicas, sociais e comportamentais

 

Você sabia que existem mais de 50 mil habilidades profissionais no mundo? Parece inacreditável, mas um levantamento realizado pelo LinkedIn chegou a essa conclusão. Porém, entre todas essas habilidades, é possível identificar quais são tendência no mercado de trabalho, ou seja, as mais valorizadas pelas empresas, principalmente em uma projeção para o futuro.

Em 2018, o Fórum Econômico Mundial publicou o relatório “O Futuro do Trabalho”, em que que concluiu que habilidades comportamentais e sociais, como originalidade, iniciativa e pensamento crítico, provavelmente aumentarão de valor à medida em que a tecnologia e a automação avançarem.

Então, chegamos à conclusão de que há um conjunto de habilidades desejadas pelas empresas, que envolvem comportamento, relações sociais e capacidade técnica.

Dada a importância do tema, preparamos uma série sobre ele. Esta semana, falaremos especificamente das habilidades técnicas que serão mais demandadas no futuro.

Sem dúvida, preparar-se para adquiri-las é mais fácil em relação às demais habilidades. A capacidade técnica pode ser conquistada por meio de cursos, por exemplo. Basta estar disposto a aprender e mirar no alvo certo.

Tecnologia

Vale ressaltar que o relatório do Fórum Econômico Mundial revela para o futuro uma crescente instabilidade de habilidades, em que a tecnologia mudará o perfil de muitos empregos atuais. Estima-se que mais da metade de todos os profissionais necessite de capacitação e treinamento nos próximos anos.

Isso se deve, principalmente, ao avanço da Quarta Revolução Industrial, em que os empregadores exigem uma maior habilidade com tecnologias como automação e algoritmos, que refletem o mundo cada vez mais digital, com computação em nuvem e Inteligência Artificial no topo.

É verdade que o avanço da tecnologia sempre fez muitos profissionais ficarem com o pé atrás. A evolução das técnicas costuma fazer com que trabalhos sejam extintos e novas funções sejam criadas, além do receio de ser substituído por um robô.

Conhecido como Singularidade, este marco é frequentemente discutido por cientistas, futuristas e entusiastas em geral como o momento em que a inteligência artificial fará com que as máquinas se tornem mais inteligentes do que seres humanos.

Mas, em vez de ficar com receio de ser substituído por um robô (o que em muitos casos é uma hipótese real), é muito melhor identificar e desenvolver as habilidades do futuro. Isso porque vale muito mais a pena participar do que assistir a tudo como se você não fizesse parte disso.

Aliás, essa foi a constatação de Elon Musk, da Tesla, Peter Thiel, do PayPal, e Reid Hoffman, do LinkedIn, que juntos criaram o OpenAI, um centro de pesquisa sobre Inteligência Artificial com o propósito de beneficiar a humanidade. Para Musk, ou nos juntamos às máquinas ou nos tornaremos irrelevantes.

Idioma

Quando falamos em um conjunto de habilidades comportamentais, sociais e técnicas, não podemos deixar de falar do idioma. Isso porque ele perpassa por todas essas habilidades.

No mundo globalizado, em que as empresas vão muito além dos limites do país onde se encontram, falar outros idiomas conecta pessoas e, consequentemente, organizações, a partir da aquisição dessa habilidade técnica.

Em uma negociação, ser fluente na língua do seu interlocutor significa mais desenvoltura e uma sensação de pertencimento à equipe, que garantirá a aquisição de outras habilidades e o engajamento necessário para a obtenção dos resultados esperados.

Temos assistido, por exemplo, a uma expansão do Mercosul, inclusive com a assinatura de novos acordos, o que deve crescer ainda mais no futuro, dada a tendência de globalização. Isso requer dos profissionais brasileiros uma fluência no idioma espanhol.

Enfim, para o futuro do trabalho novas habilidades são exigidas, seja por conta da globalização ou do avanço da tecnologia. Quer preparar-se para essa nova fase? Entre em contato conosco e saiba como temos auxiliado executivos em busca de reciclagem profissional, novas habilidades técnicas e fluência no espanhol, sempre a partir da visão de mundo globalizado em que idioma e cultura são aspectos inseparáveis para quem deseja resultados efetivos.

 
 Compartir noticia