Por que algumas pessoas falam com mais sotaque?

2019-03-17
Por que algumas pessoas falam com mais sotaque?

 

Eliminar o sotaque é quase impossível. Mesmo depois de décadas falando uma língua que não é a sua, a grande maioria das pessoas ainda terá algum sotaque. Isso acontece porque o cérebro humano “aprende” ou “grava” os sons da pronúncia da língua materna quando somos crianças.

É verdade que quanto mais se pratica uma nova língua, principalmente ouvindo e falando, maiores as chances de ter um sotaque mínimo.

Apesar disso, já se sabe que a maneira como cada um fala sua língua materna também determina a presença de sotaque no segundo idioma. O primeiro passo é identificar algumas características pessoais. Depois, trabalhar para tentar superá-las. Quer saber como? Então, siga a leitura do post.

Você fala rápido demais?

Pessoas que têm o hábito de falar rápido demais a língua materna tendem a ter um sotaque mais forte. Isso porque não costumam pronunciar todas as letras e levam isso para o outro idioma.

Muitas pessoas, para tentar corrigir isso, acabam falando como robô, pronunciando cada palavra separadamente. Esse, definitivamente, não é o caminho.

Quando estiver falando uma língua estrangeira, experimente ligar as palavras, porém sem atropelá-las. A fluidez ajuda, e muito, a perder o sotaque.

Você é tímido?

Pessoas mais introvertidas têm mais dificuldade para se expressar, inclusive em outro idioma.

Por falarem de maneira mais contida, os tímidos acabam tendo mais sotaque. Já os extrovertidos, que utilizam toda a expressão corporal, movimentando bem lábios e usam toda a capacidade de suas cordas vocais, conseguem emitir um som mais claro.

Sabemos que um tímido não pode, de repente, mudar. Mas a dica é sempre tentar projetar bem a voz. Isso fará com que seu sotaque diminua.

Você tende a murmurar?

Algumas pessoas têm o hábito de falar com a boca praticamente fechada, murmurando. Geralmente, elas acabam tendo que sempre repetir o que disseram, já que entendê-las é difícil.

É como se tivessem “lábios preguiçosos”, que não permitem a pronúncia de todos os sons.

Alguns exercícios de dicção podem ajudar, tanto com a língua materna quanto com o outro idioma. Tenha sempre em mente que cada som e cada palavra são importantes!

Saiba que o esforço para falar bem uma língua e ser facilmente compreendido vale a pena, principalmente nos negócios. Isso mostrará o quanto você é preparado, dedicado e se esforçou para estar ali, participando daquela negociação internacional, por exemplo.

Quer começar agora mesmo a falar espanhol fluente e, assim, abrir inúmeras portas? Então, entre em contato conosco. Na Espanhol Fluente, trabalhamos com uma metodologia própria que permite que o professor customize o curso a partir das necessidades do aluno, o que, sem dúvida, também contribui para a aquisição do idioma com uma pronúncia clara e correta.

 
 Compartir noticia